João Kouyoumdjian

João Kouyoumdjian

Aclamado por sua musicalidade elegante e expressiva pela vencedora do Grammy Sharon Isbin, João Kouyoumdjian é um violonista brasileiro de destaque. Nas palavras do violonista Paulo Martelli "João Kouyoumdjian é um dos maiores talentos de sua geração. Suas interpretações são sempre de refinado bom gosto e profundo senso estético". Pós-graduado em performance pela Juilliard School em Nova York e vencedor do XXI Concurso Nacional de Violão Souza Lima, João Kouyoumdjian apresenta-se frequentemente nos EUA, Brasil e América Central.

 

Em 2011, realizou seu Carnegie Hall Debut recital através da tradicional série de concertos Musical Armênia, além de se apresentar também em outras emblemáticas salas de concerto de Nova York como Alice Tully Hall e Metropolitan Museum of Art. Como camerista, apresentou-se ao lado da premiada soprano Nadine Sierra no festival The Song Continues no Weill Recital Hall e junto à Juilliard Dance Division no Peter Jay Sharp Theater. João Kouyoumdjian é Artist in Residence da Grace Church in Newark (EUA) onde apresenta concertos e performances conjuntas com o coro da Grace Church in Newark. No Brasil, se apresenta em prestigiados festivais e séries de concerto internacionais como Movimento Violão e Seminário Souza Lima.

João Kouyoumdjian também atua no cenário acadêmico brasileiro apresentando concertos e masterclasses em universidades como USP, UFG e UFRN. Ministra também workshops sobre performance interativa nos maiores conservatórios e organizações violonísticas de Nova York como Juilliard School, Mannes College of Music e NYC Classical Guitar Society. Um entusiasta arte-educador, João idealizou e desenvolveu o projeto Guitar Horizons (2009), co-patrocinado pela Juilliard School, com performances interativas e masterclasses para o programa Guri Santa Marcelina em São Paulo.

João Kouyoumdjian cursou Mestrado em Performance na Juilliard School em Nova York e é bacharel em música pela Universidade de São Paulo. Em 2006 foi bolsista de iniciação científica da FAPESP, realizando transcrições para violão da música de Bach.

Compromissos futuros incluem o projeto Brazilian Guitar: Tradition and Tendencies criado por João Kouyoumdjian e co-patrocinado pelo Consulado-Geral do Brasil em Nova York. O projeto terá um concerto solo e com convidados no Carnegie Hall com apresentação de música brasileira tradicional e obras inéditas de compositores brasileiros. Sua agenda para 2011-12 também inclui concertos para a NYC Classical Guitar Society, Museu de Arte de São Paulo, Associação Brasiliense de Violão, Movimento Violão e recitais na Holanda.

João Kouyoumdjian iniciou seus estudos musicais em 1996 com o violonista e compositor Preto Moreno e tem como mentor o violonista Paulo Martelli.

REALIZAÇÃO

sesc                                    dnarte